6/22/2012

Imagine Belieber - 76º Parte - Penúltima Parte

Me joguei na cama ao seu lado e ele subiu em cima de mim, começou beijando meu pescoço e foi descendo os beijos maliciosos dele, assim que chegou em meios seios, olhou pra mim sorrindo malicioso e os apertou forte, gemi e empurrei ele pro seu lado da cama, ele olhou confuso pra mim e então eu disse:

Vc: Hoje não dá. 
JB: Por que? ~fez biquinho
Vc: Estou nos meus dias. 
JB: Aaah não. ~cruzou os braços, emburrado
Vc: Posso fazer nada baby. ~ri
JB: Mas por que vocês tem que menstruar hein? 
Vc: Por que Deus quis assim, é para o nosso bem, se eu não tivesse isso seria pior, eu poderia estar doente. ~passei meu dedo indicador em seu nariz~ Entenda isso bebê. ~pisquei
JB: Tudo bem... mas como vocês sangram tanto e não morrem? ~perguntou curioso
Vc: Por que somos fortes. ~ri~ Por que Deus quis assim amor, agora vamos dormir, ok?
JB: Ta. ~fez biquinho

Justin me abraçou e me beijou, terminamos com 3 selinhos, me virei e dormimos assim, abraçadinhos de conchinha. 

~~ 1 mês depois ~~ 

*Justin-on*

Hoje era o grande dia, o dia do meu casamento com a mulher da minha vida. Eu estava super ansioso e nervoso, pois seria nosso dia, seria O DIA. Eu estava na casa da minha mãe com meu pai e meus irmãos, minha mãe foi com Ana, Júlia, (nomedasuamãe) e (SN) pra experimentarem os vestidos. Eu soube por elas que já estavam começando a arrumar o local e que estava tudo ficando muito lindo. Jazzy e Jaxon estavam brincando de boneca e carrinho e eu estava nesse exato momento jogando vídeo game com meu pai. Ele me vencia de 2 à 1, eu ainda passo ele, pode apostar. Eu estava me divertindo, estava rindo, e meu pai é não só um paizão, como um amigão também. Ryan, Chaz e Chris chegaram e quando me desconcentrei meu pai ganhou de mim ¬¬' Mas tudo bem, ele tem mais vivência né. kkk' Ele deixou eu jogando com os meninos e foi pra cozinha esquentar o almoço das crianças. Enquanto jogávamos, conversávamos sobre um monte de coisas e os garotos me contaram que ficaram super felizes com o meu casamento com a (SA), pois ela sim era uma ótima garota. E não concordo com eles, pois ela não é uma ótima garota pra mim e sim, minha Perfeita princesa *-* Terminamos de jogar e fomos almoçar da comida que minha mãe tinha feito, ela gosta de cozinhar e confesso que a comida dela é uma delicia. Assim que terminamos de almoçar fomos dar uma volta com Jazzy e Jaxon na pracinha. Fiquei correndo atrás de Jazzy, que fugia como uma sapeca, os meninos viam logo atrás conversando e meu pai com Xon. Teve horas que meu pai ficava brincando com as crianças, enquanto eu e os meninos ficávamos conversando. Depois voltamos pra casa, os meninos tinham ido embora e elas ainda não tinham voltado, awn eu quero minha (SA). Pra matar a saudade e saber onde elas se meteram, liguei para a mesma u.u

*ligação-on*

Vc: Alô?
JB: Oi minha bebê, o nenem ta com saudades. ~fiz biquinho
Vc: Own amor, já já eu to em casa. ~escutei uma voz no fundo falando algo com ela~ Ah, pra falar a verdade, eu não te vejo mais hoje a tarde bebê, só na hora do casamento.
JB: Ah não amor, por que?
Vc: Sua mãe ta sismando que eu tenho que ter um dia de "princesa". 
JB: Isso é verdade, mas não é certo, deixa eu falar com ela. 
Vc: Ta bom, pera ai. 
...
P: Alô querido.
JB: Que história é essa que vou ficar sem ver minha noiva e só vou vê-la na hora do casamento?
P: É isso mesmo. ~riu~ Ela tem que ter uma tarde de princesa, antes de casar e virar A RAINHA. ~sorriu
JB: Mas mãe, como eu vou ficar sem ver ela? Eu não posso mais viver sem ela.
P: Eita, falando assim parece que nunca mais vai vê-la. Calma querido, é só essa tarde, depois disso ela vai ser sua... pra sempre, todos os dias. ~sorriu
JB: ~sorri espontaneamente~ Pra sempre, todos os dias. 
P: Isso mesmo, agora vê se não perturba que estamos experimentando os vestidos. 
JB: Ainda? 
P: Sim, depois vamos pro spa levar a (SN) e voltamos pra casa. 
JB: Mas o que adianta se ela não vai estar junto? ~fiz bico
P: Não fica feliz em sua mãe estar voltando pra casa? 
JB: Claro que fico, mas... é diferente. 
P: ~riu~ Eu entendo, eu tava brincando, mas agora é sério, vou desligar querido, beijos. 
JB: Beijo, vê se volta logo então, pra cuidar de mim, tô tão sozinho. ~fiz drama
P: Para de drama menino. ~riu~ Agora se você deixar eu desligar, talvez eu agilize as coisas e volte mais rápido.
JB: Ta, mas deixa eu falar pela última vez com a minha noiva. 
P: Ok. ~sorriu, Percebi que (SN) pegou o telefone...~
...
Vc: Fala meu bem. 
JB: To com saudades. ~fiz bico
Vc: Você já falou isso Jus. ~riu
JB: Eu sei... to com saudades.
Vc: Justin, você ta bem? Se drogou? ~riu
JB: Não. ~ri~ É só muita saudades mesmo. 
Vc: Mas nos vimos de manhã Justin. 
JB: Eu sei, mas mesmo assim poxa. 
Vc: ~riu~ Ta bom bebê, te amo muito, mas agora sua mãe está mandando eu desligar. 
JB: Ah deixa ela. 
Vc: Agora ela falou que se eu não desligar, ela vai vir desligar na sua cara. ~riu
JB: Ai que mãe má. 
Vc: ~riu~
JB: Ta bom então meu amor, te amo muito muito muito. 
Vc: Te amo mais bebê. 
JB: Mentira eu que amo mais. 
Vc: Eu que amo. ~ouvi uma voz gritar lá do fundo
... P: Se não desligar agora, eu vou ai hein. 
Vc: ~riu~ Justin acho que agora você ouviu né?
JB: Ouvi. ~bico~ Tudo bem amor, tchau, beijos. 
Vc: Beijos meu lindo.

*ligação-off*

Ai que mãe má que eu tenho :| deixa eu nem falar com minha futura esposa, minha mulher, mãe dos meus filhos... >.<' Antes de subi pro meu quarto ajudei meu pai levar Jazzy e Jaxon que estavam dormindo no sofá pro quartinho deles, de lá fui direto pro meu quarto, abri o notebook e entrei nas minhas redes sociais pra me comunicar com minhas fãs, elas já sabiam que eu iria me casar e algumas me largaram, fiquei triste com isso, mas sei que as verdadeiras estão sempre lá pra mim, como estou sempre aqui pra elas. Tuitei:

"Hoje é o grande dia, será um dia muito especial pra mim, queria muito que todas vocês pudessem compartilhar esse dia comigo, então terá uma surpresa"

"Querem saber qual é a surpresa?"

Recebi muuuitas mentions de todas querendo saber qual era a surpresa, então não custa nada revelar logo pra elas, né?!

"meu casamento será gravado e passará ao vivo na TV pra todas vocês que não podem estar lá :) o que acharam da ideia?"

Se elas piraram? HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA com certeza :O
Elas simplesmente amaram a surpresa, que bom, elas tinham que participar de algum modo no meu casamento. Se eu pudesse colocaria TODAS lá dentro, mas como fica difícil "sorteamos" somente 10 beliebers, para que possam estar presente do meu casório. Pois é, elas iram representando todas as minhas beliebers, pois elas fazem parte da minha vida e não poderiam faltar nessa parte tão importante dela.
As horas se passaram e eu fui tomar pra banho pra começar a me arrumar, minha mãe, Ana, Júlia e minha sogra, já tinham chegado, só que estavam em suas casas. Minha mãe e meu pai, me ajudariam a me arrumar, terminei o banho e sai, a roupa já estava na cama, me sequei e a coloquei, eu tinha ficado realmente muito bonito. Meu pai e minha mãe entraram no quarto e foram me ajudar. Meu pai dobrou minha gravata e minha mãe deu um jeito no meu cabelo, ela insistiu. u-u Me sentei já arrumado em frente ao notebook e fui conversar mais um pouco com minhas fãs antes de sair de casa, meus pais saíram pra se arrumar, fiquei lá aguardando eles me chamarem. Meu pai apareceu lá no quarto todo pronto com Jaxon no colo e os dois estavam charmosos, descemos e mamãe estava me esperando lá em baixo com Jazzy no colo, seria a daminha mais linda ><' e Jaxon seria o pagem. Saímos de lá e fomos direto pra igreja, entramos como nos conformes e fiquei aguardando ansiosamente a chegada da minha noiva. Minha sogra já estava lá, e Ana também, estávamos todos só esperando a (SN) chegar. 

*VOCÊ-ON*

Passei a tarde toda naquele ótimo Spa, era maravilhoso, estava me sentindo realmente uma princesa. As horas passaram e então lá mesmo eu comecei a me arrumar, minha mãe e tia Júlia tinham levado tudo pra lá antes de irem pra igreja. Fiz unhas, cabelo e maquiagem, só faltava o vestido, que colocamos por último e eu já estava prontinha. Fui pro carro e entrei com muito cuidado no mesmo, partimos pra igreja. 

Assim que chegamos estava muito cheia, dava pra ver de fora. Tinha muitos fotógrafos, uns pro próprio album de casamento e os outros pra passar tudo ao vivo pra TV, viram que meu carro chegou e já começaram os flash's pra cima de mim, avisaram que eu já tinha chegado e então finalmente sai do carro, sentindo cada vez mais flash's, estou muito feliz e sorrio pra tudo, e não tem como não sorrir em saber que em poucas horas vou estar casada com ele: Meu amor. Fui me aproximando com um pouco de dificuldade pra perto da porta da igreja que já estava fechada, e me posicionei, alguns familiares que moram no Brasil vieram pro meu casamento, eu bem que pensei que meu pai não estaria presente pois ele mora em NY e porque trabalha muito, mas eu estava enganada, ele veio e vai me levar ao altar. *-* as portas se abriram e pude ouvir a música começar a tocar, meu olhar foi para próximo do altar e Justin estava completamente lindo e perfeito, sorrimos juntos um sorriso de felicidade, Jazzy e Jaxon já estava em minha frente, começamos a entrar lentamente e eu sempre com um sorriso enorme no rosto. Quando finalmente chegamos lá na frente, meu pai passou minha mão pro Justin, que logo tratou de beija-la e me deu a sua, cruzando nossos dedos um no outro, o olhei sorrindo e ele sorriu de volta, Justin sussurrou um: "Você está perfeita", sorri e respondi com um "Você ta mais", então o padre começou com a cerimônia. 

[...]

P: Justin Drew Bieber, aceita (SeuNomeTodo) como sua legítima esposa? Para amá-la e respeitá-la, na saúde e na doença, na riqueza e na pobreza, todos os dias de sua vida?
JB: Sim. ~me olhou sorrindo
P: (SeuNomeTodo) aceita Justin Drew Bieber como seu legítimo esposo? Para amá-lo e respeitá-lo, na saúde e na doença, na riqueza e na pobreza, todos os dias de sua vida?
Vc: Aceito. ~sorri o olhando
P: As alianças.

Todos olhamos Jazzy entrar trazendo as alianças, e logo as entregou pro padre que nos entregou as duas e mandou repetirmos o que ele falava, enquanto colocávamos as mesmas uma na mão do outro:

P: Justin Drew Bieber... 
Vc: Justin Drew Bieber...
P: Prometo-te ser fiel
Vc: Prometo-te ser fiel
P: Na alegria e na tristeza
Vc: Na alegria e na tristeza
P: Todos os dias de nossas vidas.
Vc: Todos os dias de nossas vidas. ~sorri terminando de colocar a aliança nele
P: Agora Justin, repita comigo. (SeuNomeTodo) 
JB: (SeuNomeTodo)
P: Prometo-te ser fiel
JB: Prometo-te ser fiel
P: Na alegria e na tristeza
JB: Na alegria e na tristeza
P: Todos os dias de nossas vidas
JB: Todos os dias de nossas vidas. ~terminou e depositou um beijo em minha mão
P: Agora o noivo já pode beijar a noiva.

Sorrimos e nos beijamos, todo mundo começou a aplaudir. 

[...]

Já estávamos na festa que por sinal estava bombando, dançávamos com todos na enorme pista de dança que tinha ali. A festa era toda roxa, estava tudo perfeitamente lindo. Estava tudo saindo como nos conformes, dançamos muito até chegar a hora do buquê, as meninas ficaram juntinhas atrás de mim, enquanto eu ficava ameaçando jogar o mesmo, contei até 3 e taquei, quem pegou foi Ana, ela olhou pro Chaz e os dois sorriram, quando perceberam a troca de olhares e sorrisos dos dois começaram com um "aaaaaaaawn" que deixaram os dois corados, cheios de vergonha. Puxei Ana pra tirar uma foto comigo e com o buquê que ela tinha conseguido e depois Chaz e a galera toda veio correndo pra tirar também, isso ta parecendo uma fubasada. kkkk' Voltamos a dançar e posso falar: Hoje tava sendo o melhor dia da minha vida, pois eu estou casada com o homem da minha vida, o homem que me faz feliz e completa e quero algo melhor que isso? Simplesmente não tem, pois é, não tem nada melhor que isso. 

[...]

Saímos despercebidos de alguns enquanto a festa ainda estava rolando, pegamos o carro e partimos direto pro aeroporto, acho que não contei pra vocês mais Justin planejou toda uma surpresa e passaríamos a nossa noite de núpcias em PARIS. Isso mesmo que vocês leram: PARIS *----* Entramos no avião e ficamos apenas nos beijando, depois de um tempo paramos pra dormir e chegamos em Paris... Era tudo tão lindo, tão perfeito, fomos levados direto pro hotel. Assim que chegamos no mesmo, tirei o salto e fomos de mãos dadas ver a visão que teríamos lá de cima, e sim, era a melhor.

Voltamos pro quarto e pedi a ajuda de Justin pra tirar aquele vestido, ele abriu o fecho  atrás e me ajudou a descer com o mesmo. Na minha frente havia um espelho, pude ver Justin morder os lábios, após "descobrir" minha surpresa. Levantei uma perna tirando uma parte do vestido e depois a outra o tirando por completo, joguei o mesmo na poltrona e Justin me abraçou por trás, beijando meu pescoço. Arrepiei, ele me virou e me beijou com muita vontade. Justin ia andando comigo pra trás, ainda me beijando, e quando senti a cama perto de mim, ele me empurrou e caí na mesma com uma cara maliciosa, Justin sorriu malicioso e subiu em cima de mim, beijando meu pescoço e descendo os beijos até chegar na minha barriga, ameaçou a tirar minha calcinha, mas eu o puxei virando o jogo e subindo em cima dele. Tirei aquele pequeno véu da lingerie e fui tirando a calça dele bem devagar, o volume já não passava mais despercebido, assim que terminei de tirar toda sua calça, joguei em qualquer canto e apertei seu membro o fazendo gemer. Fui fazer o mesmo joguinho que ele fez comigo, só que comecei já da barriga, subindo os beijos pro seu pescoço e logo beijei sua boca, que já estava vermelha por conta do meu batom que saiu todo enquanto nos beijávamos. Ele fica todo lindo com a boquinha assim, rs' >< Parei o beijo e disse: 

Vc: Agora quem está no comando sou eu. ~pisquei 

Ele assentiu mordendo os lábios. Me sentei em cima do seu membro que ainda estava coberto pela cueca e comecei a rebolar o deixando mais excitado. Justin já gemia baixinho e pedia pra eu parar de torturá-lo, continuei assim e depois parei quando percebi seu membro completamente duro. Sorri maliciosa e quando ameacei tirar sua cueca ele fez o mesmo que eu tinha feito com ele e me deixou embaixo agora:

JB: Agora sou eu. ~riu 

Assenti e deitou em cima de mim e senti seu membro duro entre minhas pernas, mordi os lábios e fiquei parada quietinha, Justin abriu meu sutiã e em seguida abriu meus braços e falou:

JB: Não fecha eles. 

Assenti e ele tirou meu sutiã e jogou em qualquer lugar do quarto e senti seus beijos subirem de minha barriga até meu seio direito, deu um beijo rápido no mesmo e depois olhou pra mim com uma carinha safada, e logo senti chupando o mesmo, enquanto acariciava meu seio esquerdo. Agora sei o por que dos braços abertos, o prazer parecia ser maior. Gemia a todo instante, até que ele parou e voltou a beijar minha boca. Tirei sua cueca rapidamente e Justin pegou a camisinha, ajudei o mesmo a colocar em seu amigo e Justin arrancou minha calcinha, então ele começou a penetrar devagar e eu gemia baixinho em seu ouvido:

Vc: awn... vai... mais rápido... awn... Justin.
JB: Tem certeza? 
Vc: absoluta. 
JB: E se doer?
Vc: NÃO VAI DOER, AGORA ENFIA LOGO SÁPORRA.
JB: ~riu~ Nossa que selvagem. 
Vc: Vaaai... aawn.

Justin começou a entocar mais rápido e eu gemia em seu ouvido o deixando com mais prazer. Até que ele parou e saiu por inteiro de dentro de mim, se sentou na cama e disse:

JB: Senta gostosa, senta com todo no jerry.

Mordi os lábios e fui brincar com ele, sentei só na cabecinha e rebolei na mesma.

JB: Para de brincadeira (SN) senta logo. 
Vc: No no. ~ri
JB: awn, senta... logo... ~arfava

Desci um pouco e subi de novo. 

JB: Puta que pariu, ta brincando comigo. ~mordeu os lábios
Vc: Eu sento rebolando chamando o seu nome (8' 

Cantarolei sentando por completo, Justin gemeu meu nome, e apertou minha cintura, jogando a cabeça pra trás, enquanto eu rebolava em seu membro.

JB: Awwn... assim você mata o papai.
Vc: Ai ai ai ai ai assim você mata o papai ai ai ai (8' ~cantarolei 

Depois de rebolar, Justin segurou em minha cintura, me movimentando pra cima e pra baixo, ele mordia os lábios freneticamente. Fiz com que ele parece os movimentos e o beijei, me levantei e cai na cama já cansada, ele suspirou e voltou pra cima de mim chupando meu seio esquerdo, eu segurava em seu cabelo e ele apertava minha cintura. Fiz o mesmo parar e nos beijamos intensamente, Justin voltou a me penetrar bem devagar, só pra curtir o resto da noite, aliás, da madrugada, pois já era 3h da manhã e estávamos completamente cansados, Chegamos ao orgasmo juntos e Justin caiu pro outro lado da cama. Fitávamos o teto branco daquele quarto de hotel tentando acalmar nossas respirações. Olhei pro Justin e assim que ele percebeu que eu olhei pra ele, ele olhou pra mim e sorriu:

JB: Nem preciso dizer que você foi perfeita né? Por que você sempre é. ~sorriu
Vc: Você também é, além de gostoso. ~ri sapeca
JB: A minha gostosa vem cá. ~riu, me puxou pra mais perto e me abraçou.
Vc: Fala meu bebê.
JB: Você me deixa cansado. ~fez biquinho
Vc: Awn, sério?
JB: Aham, é por que você é muito selvagem. 
Vc: Eu que sou selvagem?
JB: Aham. ~ainda com biquinho
Vc: E você tem uma potência, que oh céus. ~ri e o selei
JB: Vamos tomar banho?
Vc: Agora!

Nos levantamos e fomos pro banheiro do quarto, era lindo e tinha uma banheira enorme. Entramos e tomamos banho, junto com carícias, mas nada demais. Terminamos e cada um se enrolou na sua toalha e voltamos pro quarto. Coloquei minha camisola nova que tinha comprado e me joguei na cama, Justin fez o mesmo e deitou do meu lado, estávamos super cansados, com um fazendo carinho no outro dormimos rapidamente.

Continua...
Hey amores, estão gostando da IB?
Me desculpem pela demora, eu tava sem inspiração esses dias, sério mesmo :|
Mas postei um BIGZÃO pra vocês ><' e essa é a penúltima parte.. "aaaah", mas eu to feliz sabe, pq eu vou poder me dedicar mais na outra IB "Destiny" e vou poder postar os capítulos dela mais rápido e tals... :D E a parte Hot saiu uma bosta, eu sei D; Mas é que eu fico com vergonha e não gosto muito de escrever parte hot, masok :$ kk

"Vai fazer outra IB nesse blog?" Sim, eu irei fazer outra IB nesse blog, só não sei se será agora agora, entende? Mais já estou com outra história bem legal na cabeça e quero compartilhar com vocês logo logo ><'
Comentem minhas lindas, pfv *-*
Me digam o que acharam dessa parte e tudo mais. 
Beijinhooos <3

( /\ essa not é IB, é pra qm é fã do Cody ;D) 
Respostas: HERE


6/09/2012

Imagine Belieber - 75º Parte


Arregalei os olhos e abri a boca, em seguida a tampando com as mãos, olhei surpresa pro Justin e disse: 

Vc: É incrível. 
JB: Fico feliz que tenha gostado, vamos entrar?
Vc: Mas é claro. ~sorri 

Entramos naquela enorme e linda casa e por dentro era lindamente perfeita. Rs' Já estava todo mobiliada. A sala era linda e enorme, de lá fomos pra cozinha, depois pra sala de jantar, sala de jogos, sala de música, e banheiro. Subimos pro segundo andar e tinham vários quartos de hóspedes só que nem entramos neles, deixamos pra conhecê-los depois, fomos direto pro nosso quarto, que era o principal e era extremamente lindo, e o banheiro da nossa suíte. Coloquei minhas malas no chão e pulei na cama ficando de barriga pra cima, Justin subiu em cima de mim e me abraçou, eu ri e quando ele começou a dar beijinhos em meu pescoço o empurrei pro outro lado, ele olhou pra mim com aquele biquinho mais lindo e eu o selei. Levantei e abri uma mala, separando uma roupa confortável e pegando também a minha toalha, deixei a mesma na cama e me direcionei pro banheiro pra tomar um banho, queria dar uma volta por ai pra conhecer Atlanta, Justin se levantou e saiu correndo pro banheiro e eu disse:

Vc: Amor, deixa eu tomar primeiro. ~fiz biquinho
JB: Vamos tomar nós dois juntos. ~ordenou
Vc: E se eu não quiser. ~cruzei os braços
JB: Ai o JB fica de mal. 
Vc: Tudo bem, mas sem safadezas tá?
JB: Você que manda. ~me selou

Tomamos banho e Justin se comportou dessa vez, nada passou de apenas selinhos. Saímos do banho e nos enrolamos na toalha, voltamos pro quarto e nos vestimos com roupas simples, afinal, só iríamos dar uma passeada por aqui mesmo. 


Assim que terminei de colocar minha roupa, Justin me olhou pro completo e falou com biquinho: 

JB: Mô, não acha que esse short e essa blusa está muito curta não?
Vc: Não acho amor. 
JB: Ta sim poxa, vão ficar te olhando.
Vc: Mas eu sou só de um. 
JB: Mas ninguém daqui sabe né.
Vc: Se você não desgrudar de mim, vão saber que eu sou só sua. 
JB: Nunca que eu vou desgrudar de você. 
Vc: Então pronto bebê, não precisa se preocupar ok?
JB: hum... ta bom. 

Peguei meu celular e coloquei no bolso, Justin fez o mesmo com o iphone dele e descemos, saímos de casa de mãos dadas e encontramos, minha mãe, Ana, tia Júlia e  Pattie conversando lá em frente, fomos até elas e minha mãe disse:

SM: Amamos a casa Justin, ela é linda. Muito obrigado, sabe que somos gratas a você né?
JB: Que isso sogrinha, não é nada demais. ~sorriu
SM: Claro que é. 
JB: ~sorriu~
A: Essa ai da frente que é a casa de vocês?
Vc: Sim *-*
A: Puta que... ops, quero dizer... caraca muito linda. ~riu envergonhada
JB: Depois vocês vão lá pra conhecer, agora que tal a gente dar uma passeada por aqui, pra vocês conhecerem um pouco. 
P: Vai só vocês 3, tenho certeza que a (nomedasuamãe) e a Júlia estão cansadas, vocês ainda são jovens e tem disposição pra isso. 
JB: Tudo bem, bora Ana?
A: Bora. 

Saímos andando pelo condomínio pra conhecer as coisas que tinham por aqui e passamos por praças, lanchonetes e até um mini mercado. Todas as casas ali eram lindas e muito bem cuidadas, muitos jardins e piscinas. Era tudo muito lindo por ali, lá tinha tranquilidade e Justin se sentia bem, não como é no Canadá, pois ele diz que lá sim ele tem sossego e foi de onde ele veio e onde seus avós moram, mas aqui é bom também. Justin disse que me levaria um dia no Canadá pra conhecer seus avós, será muito bom. Depois de um tempo andando juntos, voltamos pra casa e nossas mães estavam todas na casa nova delas, inclusive Pattie que estava ajudando elas a arrumarem as coisas. Nos juntamos e ajudamos pra acabar logo de colocar as coisas que elas trouxeram nos seus devidos lugares. Depois que acabamos, fomos todos conhecemos minha casa e do Justin, elas amaram, também, não tinha como não gostar né. Depois elas foram pra casa e eu e Justin nos deitamos na sala pra ver TV, ficamos vendo Bob Esponja, awn ><' Quando já estava ficando de noite, fui ver o que tinha pra gente comer e a resposta era: Nada. Fomos no mercado que ficava poucos minutos de casa e fizemos compra o suficiente pra encher os armários, compramos lanches também e voltamos pra casa. Preparei um daqueles lanches pra nós dois, pois não estávamos com vontade de jantar, subimos e arrumei a cama, nos deitamos e ficamos fazendo carinho um do outro, Justin se aproximou e me beijou, depois disso pegamos no sono. 

~ 2 meses depois ~

Estávamos começando a organizar as coisas do nosso casamento. Ana cuidava do lugar em que seria, eu chamava os convidados e cuidava do meu vestido e tudo mais, Pattie, minha mãe e tia Júlia cuidavam de ligar pros organizadores e pro Buffet. Pois é, daqui a 1 mês vou me casar com o amor da minha vida. Nada mais ira nos separar, nossa amor é a força e o exemplo de que duas pessoas que se amam, podem sim, viver juntas pra sempre. Justin estava mais ansioso do que nunca, vivia falando que iríamos nos casar e ser formar uma família bem linda e grande, já disse pra ele que filhos agora não, e ele sempre fica emburrado, mas estamos muito novos pra pensar em filhos agora, não é? Era de tarde e Chaz já tinha voltado pra cá e ele e Ana estavam super bem, Ryan apareceu com Júlia e talvez se mudariam pra cá, Cait e Chris também apareceram pra nos ajudar com as coisas do casamento. Estava tudo quase que pronto, só faltava chegar o grande e inesquecível dia. Hoje resolvemos ir ao shopping, eu estava pronta e Justin também, estávamos a espera de Ana e Chaz, só que esses dois demoram mais que não sei o que. ¬¬'
Assim que desceram reclamei: 

Vc: Pra que tanta demora?
A: Pra eu ficar linda. 
Vc: Impossível. ~ri
A: Me ama essa poia. 
Vc: Nem amo u.u { Tiaa, é nós ai \õ/ kk' }
C: Fala assim da minha amoreco não ta (SA). ~fez bico
Vc: Não é só dela, você também demorou e ta a mesma merda. ~brinquei
C: Nossa, também te amo. ~fez cara de triste
Vc: Sabe que to zoando né coisa linda? ~o abracei
C: Sei sim, coisa feia. 
Vc: Alá, eu chamo ele de coisa linda, e ele me chama de coisa feia. ~fiz bico
JB: Fala assim da minha mulher não Chaz. u.u
C: Vocês nem casaram ainda brow. 
JB: Mas já é minha mulher, problem?
C: Nenhum bro, desculpa madame. ~beijou minha mão
Vc: Tudo bem, te perdoo dessa vez. ~ri
Todos: ~risos~

Partimos pro shopping, fizemos compras, paramos pro Justin dar autógrafo pra algumas fãs, voltamos a andar, fomos ao cinema, ao boliche, pista de gelo, fomos ao starbucks, lanchamos e nos divertimos a tarde toda. Depois voltamos pra casa e eu fui pro meu quarto com Ana, conversar e fofocar, enquanto Justin ficou lá em baixo jogando vídeo game com Chaz. 
Estávamos uma arrumando o cabelo da outra, pintando unha, coisa de adolescente mesmo.  Ficamos conversando e tivemos a ideia de fazer algo antes do casamento, tipo pra chamarmos os amigos e conhecidos e nos reunir, como se fosse um chá de panela que nem fazem no Brasil, só que não pra ganhar nada, e sim pra reunir todos. Descemos e contamos essa ideia pra Justin e Chaz, que adoraram a ideia, ligamos pra Pattie e minha mãe e contamos, elas também adoraram a ideia e então eu comecei a ligar pro pessoal e marcar isso pra daqui a uns dias. Todos confirmaram presença e fomos os 4 assistir a um filme, na verdade ficamos mais namorando do que assistindo filme, mas tem coisa melhor que isso? Não mesmo. rs'

~ Alguns dias depois ~

Chegou o dia em que faríamos aquela "bagunça" aqui em casa, Ana veio aqui em casa e fizemos várias coisas pra comerem, incluindo deliciosas sobremesas, tipo: Pavê, Mousse , Torta, docinhos e compramos sorvete também. Ajeitamos tudo em uma mesa lá no jardim e deixamos tudo pronto, colocamos algumas mesas e cadeiras e tudo já estava pronto. agradeci a ajuda da Ana e ela foi pra casa se arrumar, subi e Justin estava saindo do banho, fiquei em sua frente e o beijei, paramos o beijo com selinhos e então por fim eu disse:

Vc: Já esta tudo pronto, estou cansada. ~ri
JB: Perguntei se queria ajuda e você recusou.
Vc: Tudo bem bebê, a Ana já estava me ajudando. ~sorri e o selei~ vou tomar meu banho, se arruma rápido e desce pra esperar o pessoal. 
JB: Ta bem.

Entrei no banheiro e tomei AQUELE banho. Com uma água quente e que relaxava meu corpo. Depois sai e me enrolei na toalha, fui pro quarto pra procurar algo pra vestir, assim que achei me vesti e fui dar um jeito no meu cabelo, terminei e fiz um make bem básico. Desci e já tinha alguns amigos lá, cumprimentei todos e ficamos conversando, enquanto os outros iam chegando, Ana, Chaz, Ryan e Júlia já estavam lá, ficavam fazendo besteira pra gente rir, e nesse exato momento eu estava sentada no colo do Justin rindo pacas com todos eles. Minha mãe, Pattie e tia Júlia chegaram e falei com elas, depois elas se sentaram e ficaram conversando. Essas 3 se deram muito bem rapidinho, viu?! haha' Cada vez mais o povo foi chegando, pra falar a verdade nem chamei tanta gente, masok. Assim que todo mundo chegou, começamos a jogar conversa fora e nos servir, a mesa estava ali pra quem quisesse comer ir e se servir, estava saindo tudo muito bem, levaram presente pra nós, mesmo sem precisar, pois como eles falavam: Faziam questão de levar algo. Agradeci a todos e guardei as coisas dentro de casa, Justin ficava pra lá e pra cá, conversando com todo mundo e chamando-os pra conhecer a casa, todos amaram. Resolveram fazer uma brincadeira comigo, e me encheram de trecos. Pegaram batom, me sujaram, meu rosto ficou igual o de uma palhaça ¬¬' Justin só sabia rir de mim, idiota, vai se ver comigo. Ainda suja carreguei ele pra perto da piscina, fingi que ia o beijar e o empurrei, aaaai como eu ou má. Ele fez bico e geral se aproximou pra rir da desgraça dele, eu tava rindo abeça, Justin pediu que Chaz o ajudasse a sair e quando Chaz foi o ajudar, Justin o puxou pra piscina, geral rindo da "desgraça" dos dois, até que vejo Ryan parado perto da piscina rindo dos garotos, a não vai ficar assim, fiz um sinalzinho pra Júlia e ela entendeu meu recado e o empurrou pra piscina, eu e as meninas começamos a rir da cara de cú que o Ryan fez pra gente. Voltamos pra onde estava o resto do pessoal e ficamos lá conversando com o resto do povo, enquanto os 3 ficavam fazendo zona naquela piscina, na boa, estão parecendo 3 crianças, quando ganham doce, plmdds. 

Assim que escureceu todos foram embora, entrei em casa e peguei uma toalha pro Justin se secar lá fora, não ia deixar ele entrar molhado dentro de casa, assim que ele se secou e se enrolou, deixei o mesmo entrar em casa. Fomos pro nosso quarto e resolvi que as coisas eu deixaria pra arrumar amanhã de manhã e por falar nisso, Justin disse que ia contratar uma empregada, menos mal. Fui pro banheiro e limpei todo meu rosto, quando estava terminando vejo o reflexo do Justin me abraçando por trás, o empurrei com a bunda e ele riu mordendo os lábios, terminei e o expulsei do banheiro, tomei um banho e lá mesmo vesti meu baby doll do Barney *-* Gosto dessas coisas de criança, problem? u-ú Assim que saí vi Justin já tomado banho deitado na cama, ele deve ter tomado no banheiro de baixo ou de algum quarto por ai, me joguei na cama ao seu lado e ele subiu em cima de mim, começou beijando meu pescoço e foi descendo os beijos maliciosos dele, assim que chegou em meios seios, olhou pra mim sorrindo malicioso e...

Continua... 
Heeeeey gurias lindas, como estão? *-* espero que bem... 
Então o que estão achando da IB? To achando que o penúltimo capítulo, será o próximo, ainda não sei. :o 
Comentem o que estão achando, ok? preciso da opinião de vocês e tals :| 
BieberBeijos ;*

Quer falar comigo, tirar alguma dúvida, ou algo assim? ... é só clicar AQUI.

Quer ler uma Fic, de 1 cap. só? Clica AQUI.

Quer que eu indique seu Blog? Clica AQUI.

Respostas dos comentários ::: AQUI.  

Beeeeeijos. s2'

6/02/2012

Imagine Belieber - 74º Parte

JB: O QUE TA ACONTECENDO AQUI? 


Danilo logo roubou um selinho da (SN) e ela o empurrou o fazendo cair no chão e limpando sua boca em um  movimento rápido. Me aproximei dele correndo e o peguei pela gola da camisa o levantando e fazendo ficar da minha altura, dei um soco em sua barriga e disse super vermelho de raiva: 


JB: QUEM VOCÊ TA PENSANDO QUE É, PRA BEIJAR A MINHA NAMORADA SEU FILHO DA PUTA?


Eu estava com muita raiva, mas muita raiva mesmo. (SN) estava abraçada com a Ana, ela tava chorando, olha o que esse idiota fez. Eu ia dar outro soco dele, só que ela gritou:


Vc: NÃO JUSTIN, POR FAVOR. NÃO BATE NELE.


Por um minuto pensei que ela estaria defendendo ele, só que depois me toquei que eu não poderia arriscar fazer isso novamente, isso pode me prejudicar. O soltei no chão e cheguei bem perto do seu rosto e disse:


JB: Fica bem longe da MINHA NOIVA, seu idiota. ~dei um chute não tão forte em sua perna e fui puxando (SN) e Ana pra sala.


Chegamos na sala e me sentei no sofá e puxei a (SA) pro meu colo, ela estava assustada, enterrou seu rosto no meu ombro e a abracei forte:


JB: Não chora não, meu amor. ~falei mexendo em seus cabelos
Vc: Você não podia ter batido nele bebê, ele pode te prejudicar. ~limpei suas lágrimas 
JB: Fica tranquila ok? Nada vai acontecer, já passou.


Logo depois vimos ele saindo raivosa da cozinha e indo em direção a porta, assim a abrindo e indo embora. Ana que estava quieta esse tempo todo, finalmente falou alguma coisa:


A: Eu.estou.pasma. 
JB: Desculpa meninas, sério eu não queria ter feito aquilo, mas quando eu vi que ele beijou MINHA garota, eu perdi o controle de mim. Por que eu sou o único que pode fazer isso com ela. Desculpa meu amor. ~disse levantando seu rosto e dando um beijo em seu nariz


Ela riu e respondeu:


Vc: Tudo bem bebê, isso tudo foi por amor, então não me deve desculpas. ~sorriu e me deu um selinho
JB: ~sorri~ Ana, sabe que é amanhã que eu vou voltar?
A: Não sabia, poxa... sério? :|
JB: Aham. 
A: Chaz me ligou ontem, disse que voltou pra casa dele.
JB: Pois é, minha mãe também me falou isso.
Vc: Chega de falar disso, se não eu vou chorar. ~fez biquinho
JB: Relaxa amor. ~sorri~ Hoje a noite tenho uma surpresa pra todos vocês.
Vc: que surpresa? ~sorriu
A: Sua lesada, se é surpresa, ele não vai falar.
JB: Exatamente. ~riu
Vc: Aff, que idiota eu sou. ~bateu na própria testa
JB: Nem é amor, é só um pouco lerdinha. ~ri com Ana
Vc: Ah, não gostei. ~fez biquinho e então a selei


[...]


Já era de noite e eu resolvi contar essa GRANDE surpresa, que mudaria a vida delas daqui pra frente. (SN) tava acabando de sair do banho e eu estava deitado em sua cama a esperando, ela pegou uma roupa e voltou pro banheiro e depois de uns minutos já saiu vestida. Já disse que isso não tem sentido? Já vi ela pelada mesmo '-' kkk :$
(SN) pulou na cama ao meu sado e eu sorri a abraçando pela cintura e a puxando mas pra perto de mim, lhe dei um selinho e respirei fundo, e então comecei a falar sobre a surpresa:


JB: Bom, quer saber qual é a surpresa agora? ~sorri
Vc: Obvio, claro, com certeza, sem dúvidas, sim, agora. ~falou empolgada e pulando em cima de mim
JB: Primeiro para de pular, se não meu amigo vai dar sinal de vida.
Vc: Ta bom, ta bom. ~riu e voltou pro meu lado~ Então... conta. ~me olhou atenta
JB: Tem certeza que quer saber?
Vc: Claro, fala logo. 
JB: Absoluta?
Vc: Com certeza, agora fala.
JB: Certeza certeza mesmo?
Vc: VAI FALAR OU NÃO CASSETE? ~gritou
JB: Eita, desculpa. ~ri~ Ok... Você vai morar comigo em Atlanta. ~sorri largo
Vc: Mas você não...?
JB: Vamos morar em Atlanta agora.
Vc: Pera, você ta dizendo que eu e você...?
JB: Deixa eu explicar. Você, sua mãe, Ana e a mãe dela, vai comigo amanhã pra Atlanta, vamos todos morar lá. ~sorri novamente
Vc: Mas, pera... ~desentendida~ Eu não posso parar de estudar Justin e minha mãe, não pode sair do trabalho, como vamos nos sustentar?
JB: Acha mesmo que eu já não pensei nisso tudo? ~arqueei uma sobrancelha 
Vc: Você pensou em que?
JB: É o seguinte. Como eu sei que nem você nem sua mãe, gostariam de ser sustentadas por mim, e provavelmente a mãe de Ana também não, eu arrumei um emprego pra elas, na minha equipe. E pra você e Ana, já arranjei um colégio bom lá perto de casa. E ai, gostou da surpresa? ~sorri apreensivo
Vc: Isso. é. Simplesmente. Incrível. ~falou pausadamente e me abraçou super forte, sorri.~ Aaaain, meu amor... não to acreditando nisso, me belisca, isso só pode ser um sonho. 
JB: Não vou te beliscar amor, não quero te machucar. 
Vc: Para de bobeira, nem é pra doer. 
JB: Não, prefiro morder, pode ser? (6'
Vc: Ta morde. ~riu sapeca
JB: Sério?
Vc: Claro que não né. 
JB: Só por causa disso eu mordo. ~mordi sua bochecha e ela reclamou fazendo biquinho~ Quer que eu morda esse bico lindo, também? ~ri
Vc: Vai se foder. ~cruzou os braços
JB: Só se você for comigo. (6 ~ri
Vc: Ain, para seu chato. ~disse passando a mão no local da mordida
JB: Vai me dizer que doeu?
Vc: Hm... não, por que mordida de amor,  não doe. ~riu
JB: Minha coisa gostosa. ~ri e a abracei 
Vc: Meu delicia. 
JB: Minha sedução. 
Vc: Meu tudo. 
JB: Minha tudona. ~riu 


*VOCÊ-ON*


Nos levantamos e fomos no quarto da minha mãe pra ver o que ela achava disso tudo. Ela no começo ficou surpresa mais depois concordou, ainda mais por saber que ficamos noivos e por não termos muitos familiares por aqui. Voltei pro meu quarto, liguei pra tia Júlia e conversei sobre isso com ela, disse que Justin já tinha resolvido tudo e que era só parti pra lá, ela ficou meio pensativa, e disse que depois me ligava me respondendo. Nesse tempo que ela não me ligou, fiquei meio apreensiva, pois eu queria que a Ana fosse pra lá também, fiquei deitada de cabeça pra baixo com o Justin no sofá e riamos de coisas bobas e de nossas maluquices. Depois de alguns minutos o telefone tocou e eu logo o atendi, era tia Júlia e ela já tinha a resposta e advinha... ELAS CONCORDARAM. Yeeeeeep, eu e Justin nos levantamos e fizemos uma dancinha maluca.Acho que fiquei anormal depois que conheci ele '-' KKKKK' Justin sismou de querer imitar o Michael Jackson e fez uma parte que me enlouqueceu.


                        

Agora me diz... quem é que não enlouquece com esse ser, fazendo isso, BEM NA SUA FRENTE. Mordi os lábios e sem pensar, falei: 

Vc: Que isso delicia, faz isso em cima de mim. ~percebi o que falei e corei
JB: Só se for agora. ~me puxou pela cintura juntando nossos corpos
Vc: Justin Delicia Bieber, para. ~ri pelo nariz
JB: Delicia Bieber? Hmmm, gostei (SN) gostosa Bieber. 
Vc: Bieber? nem nos casamos ainda. ~riu
JB: Mas já pode se considerar uma Bieber u.u 
Vc: Então ta né. ~ri, levantando os braços como se estivesse me rendendo 
JB: Vamos voltar pro quarto pra eu fazer isso, em cima de você? (6 ~sorriu malicioso
Vc: Justin, para de safadeza. ~bati em seu ombro
JB: É sério amor. ~fiz biquinho
Vc: Você quer fazer isso direto man, cansa não? ~cruzei os braço
JB: Nunca. ~disse mordendo os lábios numa forma maliciosa 
Vc: Você me quer mesmo? ~provoquei
JB: Te quero como nunca quis um dia alguém. 
Vc: Mas eu nem sou tão boa assim. ~fiz biquinho
JB: Você não é só boa, é perfeita. ~me puxou e me beijou, retribui e paramos com selinhos.
Vc: Melhor subirmos, pra eu fazer minhas malas, afinal, amanhã já não morarei mais aqui. ~sorri largo
JB: Exatamente. ~sorriu~ 

Subi e fui no quarto da minha mãe pra saber como ficaria essa casa, ela disse que não seria difícil vender, pois ela é bem grande e bonita, assenti e ela disse que já tinha se demitido, fui pro meu quarto com o Justin arrumar minhas malas. Assim que acabamos, já estava de noite, pedi a Justin que fosse comigo na casa das minhas amigas pra me despedir delas e fomos, juntamos todas em uma casa só e fizemos nossas últimas zoações juntas. Justin não ficou entediado pois a Juliana (uma das minhas amigas) levou o namorado  e eles ficaram conversando sei lá o que. Quando eram 22h, voltamos pra casa e terminei de ver o que faltava pra amanhã, pois viajaríamos cedo, liguei pra Ana perguntando se ela já tinha arrumado tudo e sim, elas já estavam com as coisas prontas. Tomamos um banho ~separados~ e nos deitamos juntinhos pra dormir. 

[...]

Já estávamos no aeroporto, pois é, eu estava CHEIA de malas. Porém, não levei todas as minhas roupas, Justin disse que compraríamos mais por lá, então antes de irmos pro aeroporto, fomos a caridade doar algumas roupas minhas, eram tantas, que não dava pra levar tudo, e ajudar ao próximo é o que há de bom a se fazer. Ana também estava cheia de malas, porém doou algumas roupas dela também. Justin já tinha comprado as passagens pela internet sem eu saber, era só pegar lá no dia, fizemos o check in e depois de três chamadas entramos no avião, ficou: Eu, Justin e Ana nas poltronas da frente e minha mãe e tia Júlia nas de trás. 

[...]

Um dia todo entediante no avião, até chegarmos no aeroporto. Assim que chegamos lá, Kenny já estava a nossa espera, e antes eu não falei, mas Justin estava disfarçado.  Corri e o abracei e Ana fez o mesmo, pegamos muito carinho por todos da equipe e da família do Bieber, eles são uns amores e eu os amo muito, considero todos como uma só família. Apresentei minha mãe ao Kenny e entramos no carro, estaríamos indo pra nova casa, que é em Atlanta. Justin disse que tinha comprado uma casa só, pra minha mãe, tia Júlia e Ana, elas morariam juntas, mas isso não era problema, pois ele disse que a casa era grande. No começo elas ficaram incomodadas e disseram que juntariam os salários e o pagariam, mas ele disse que não queria nada, foi um presente. Agradecemos e eu falei:

Vc: Mas mô, onde eu vou morar? Você disse que a casa ia ser só delas. ~fiz bico
JB: E vai ser só delas mesmo amor, você vai morar comigo. ~sorriu
Vc: Não quero incomodar a minha sogra. u-u
JB: Quem disse que vamos morar com ela? 
Vc: E não vamos?
JB: Não, esqueceu que vamos casar? Então... comprei uma casa só pra gente. ~sorriu
Vc: OMG' tá falando sério amor? :O
JB: Aham, e as casas são todas uma perto da outra.
Vc: Oh meu Deus. ~o abracei~ Mas a Pattie vai morar sozinha? ~fiz bico
JB: Não te contei né? Minha mãe arranjou um namorado. ~revirou os olhos
Vc: ownt, que fofos. 
JB: Nem é. ~fez bico
Vc: Awn, com ciúmes da mamãe?
JB: Não. ~ainda de bico
Vc: Ta sim, pode falar. ~sorri
JB: Ta... só um pouquinho. 

Chegamos na casa da Pattie e era incrivelmente linda, ela estava toda alegre a nossa espera, disse que estava morrendo de saudades, apresentei minha mãe e tia Júlia pra ela e elas ficaram na sala conversando enquanto Justin nos mostrava a casa, era lindamente linda. Rsrs' Depois saímos da casa da Pattie e a do lado, Justin disse que era a das "meninas". OMG' era linda demais. Elas deixaram as coisas delas lá na casa e foram conhecê-la por dentro, eu tava indo atrás, só que Justin me puxou e disse:

JB: Não quer conhecer nossa casa amor? ~sorriu largo
Vc: Awn, claro que quero. ~o selei

Saímos de lá e me deparei com uma casa muuuuito linda, em frente a das "meninas", era muito linda mesmo, disse pro Justin: 

Vc: Nossa amor, que casa linda é essa. ~sorri
JB: Gostou amor?
Vc: Linda demais mô. 
JB: Que bom que gostou, pois é ela a nossa casa.

Arregalei os olhos e abri a boca, em seguida a tampando com as mãos, olhei surpresa pro Justin e disse: 

Vc: É incrível. 

Continua...
Aey amores, como estão? espero que beeein kk' *-*
Gostando da IB? Ta quase no final... e não terá 2º temporada não ;$ 
Talvez eu comece outra e tals ;D a próxima terá nome quem nem a Destiny... 
Essa foi minha primeira IB, daí ela não teve nome KKKK' mas a próxima, com certeza terá... :D 
Comenteeeeeem mt amores, a escritora se inspira mt com os comentários lindos de vocês, minhas babuínas :B hsuashuahu' -n
BieberKisses ;* Goxtooosas de mi vida u.u hsuahsa 

Fiz diferente dessa vez... as respostas pra vocês, estão AQUI